Vagas de Estágio 2016: Ceg

Vagas de Estágio 2016: Ceg


Você jovem, já pensou em começar sua carreira em uma das maiores empresas do Brasil? Então confira como inscrever-se a uma vaga de estágio na Ceg 2016.

Porque Trabalhar na Ceg:

Nossas empresas têm grandes perspectivas na área de serviços energéticos e oferecemos sólidas oportunidades de desenvolvimento profissional. Estamos em busca de colaboradores com muita vontade de aprender e crescer. Nossas oportunidades situam-se nas áreas comercial, serviço a clientes, marketing, técnica e engenharia, tecnologia da informação, recursos humanos, jurídica e finanças.

Faça um cadastro em nosso banco de dados. Se você é estudante, inscreva-se em nosso Programa de Estágio e prepare-se para um futuro promissor.Tão logo tenhamos uma oportunidade que seja compatível com seu perfil, entraremos em contato. Agradecemos sua visita ao nosso site. Esperamos contactá-lo(a) em breve.

Respeitando a dignidade dos seres humanos, independentemente de sua condição física, as empresas do Grupo Gas Natural Fenosa estão selecionando pessoas portadoras de necessidades espeiais para trabalhar. O objetivo é desenvolver equipes de qualidade, investindo permanentemente, na capacitação profissional de seus funcionários, oferecendo condições para que cada indivíduo possa aplicar produtivamente seu potencial, de acordo com suas habilidades. Esta seleção atende ainda ao disposto pelo Ministério do Trabalho, por meio do Núcleo de Cidadania e Trabalho, de acordo com decreto nº 3298, de 20 de dezembro de 1999".

Como se Inscrever na Vaga de Estágio Ceg 2016:

Se você se interessou e quer se inscrever na Vaga de Estágio 2016 Ceg, siga os seguintes passos:

Clique aqui, acesse o site da Ceg em seguida clique cadastre seu currículo.

Sobre a Ceg: 

Fundada em 25 de março de 1854, com o nome de Companhia de Iluminação a Gás, a Ceg foi privatizada em julho de 1997 e passou a ter como operador técnico o Grupo Gas Natural. Em 2009, aconteceu a fusão entre a Gas Natural e a Unión Fenosa, surgindo o Grupo Gas Natural Fenosa. Além da ampliação de sua área de atendimento, um dos grandes desafios vencidos pela Ceg foi a conclusão do processo de revisão e conversão do gás manufaturado para gás natural. De 1998 a 2007, a Ceg preparou e converteu toda a cidade do Rio de Janeiro para o uso do gás natural.

Evolução

A história do gás canalizado no Rio de Janeiro teve início em 1851, quando Irineu Evangelista de Souza, o Barão de Mauá, assinou um contrato para iluminação da cidade a gás. Três anos após, surgia a Ceg, em 1854, com o nome de Companhia de Iluminação a Gás e já em 1857 a Companhia iluminava a cidade através de 3.027 lampiões públicos, 3.200 residências e três teatros. Em 1865, a Companhia de Iluminação a Gás foi vendida para uma empresa inglesa que assumiu os serviços de gás através da Rio de Janeiro Gas Company Limited.

Em 1876, a concessão dos serviços de gás passou para a empresa belga Société Anonyme du Gaz - SAG. Em 1910, a The Rio de Janeiro Traway Light and Power Company Limited passou a deter o controle do capital da SAG. Foi a SAG que procurou ampliar o emprego de gás e construiu, em 1911, uma fábrica em São Cristóvão. Em 1967, a SAG iniciou o craqueamento catalítico de nafta, abandonando o uso do carvão como matéria-prima.
Em maio de 1969, o então Estado da Guanabara assumiu a operação do serviço de gás canalizado. Foi criada a Companhia Estadual de Gás da Guanabara - Ceg GB. Com a fusão dos Estados da Guanabara e do Rio de Janeiro, em julho de 1974, a Ceg passou a se denominar Companhia Estadual de Gás do Rio de Janeiro - CEG.
Em 1982, a Ceg entrou na era do gás natural, substituindo a nafta como matéria prima da produção do gás manufaturado e passando também a distribuí-lo diretamente.
Em 2011, com a mudança da marca, passou a chamar-se Ceg Gas Natural Fenosa.

Ceg Rio

Fundada em janeiro de 1997, com o objetivo de distribuir gás canalizado a 65 municípios do interior do Estado do Rio de Janeiro, a Ceg Rio foi privatizada, juntamente com a Ceg, em julho de 1997, passando a ser operada pela Gas Natural Fenosa.
Criada com o nome de Riogas, a Ceg Rio está voltada para a expansão dos serviços de distribuição de gás natural canalizado no interior do Estado do Rio de Janeiro. No passado, sua criação viabilizou a passagem para a Ceg dos gasodutos Reduc-Bayer e Japeri-Santa Cruz, incorporando, com isso, 12 indústrias ao sistema de distribuição da Ceg e ampliando seu consumo.
A Ceg Rio iniciou suas atividades abastecendo somente um município e hoje já está presente em 29 cidades da sua área de abrangência, tais como Petrópolis, Três Rios, Cabo Frio, Macaé, Resende, entre outras.
Com a mudança da marca, em 2011, a empresa passou a chamar-se Ceg Rio Gas Natural Fenosa.

Gas Natural Fenosa Serviços

Criada inicialmente na Espanha, a empresa Gas Natural Serviços atua na Argentina, Colômbia e México.No Brasil, iniciou suas operações no segundo semestre de 2001, tendo como objetivo explorar todas as possibilidades de negócios não regulados, relacionados, direta ou indiretamente, com a distribuição de gás.Sua sede é no Rio. Nos últimos anos cresceu muito e atualmente já atua em cinco diferentes estados brasileiros e atende a 71 estações de regulagem em postos de GNV.



Lei da Aprendizagem

Nº 10.097/2000, ampliada pelo Decreto Federal nº 5.598/2005. Determina que todas as empresas de médio e grande porte contratem um número de aprendizes equivalente a um mínimo de 5% e um máximo de 15% do seu quadro de funcionários cujas funções demandem formação profissional.

No âmbito da Lei da Aprendizagem, Jovem aprendiz é o jovem que estuda e trabalha, recebendo, ao mesmo tempo, formação na profissão para a qual está se capacitando. Deve cursar a escola regular (se ainda não concluiu o Ensino Médio) e estar matriculado e frequentando instituição de ensino técnico profissional conveniada com a empresa.

Como se inscrever no Jovem Aprendiz 2017

Cada empresa tem sua forma de inscrição. Clique aqui e digita o nome de sua cidade, ou empresa e veja vagas abertas próximo a você!